02 de Junho de 2009

 

Foram os momentos bons que superaram tudo de mau até agora, algum dia tinha que acontecer, o adeus é inevitável, tentei adiar, tentei me convencer que era apenas uma fase má mesmo quando tudo me mostrava o contrário. Para trás ficam amigos que pensei serem eternos, um amor que jamais esquecerei, para trás ficam também os fantasmas para que não volte a cometer os mesmos erros e se é verdade que só sentimos a falta de uma pessoa quando a perdemos também é verdade que as vezes é preciso perder para compreender que temos que lutar pelas pessoas que amamos. Eu tinha de estar preparada, deveria saber que a teoria e muito mais fácil e bonita que a pratica e os “nunca te vou deixar” são promessas que não podemos cumprir, mas eu não estava preparada para perder nem tão pouco sabia que os “nunca te vou deixar” são falsas promessas.
 E a esperança nascia a cada dia e desvanecia a cada entardecer, mas já não nasce nem desvanece porque já não existe.
 
Porque as vezes desistir é um acto de coragem e não de cobardia.   

Filipa =D
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Passado Recente
links
subscrever feeds
blogs SAPO